Skip to content

Internacional terá volta de zagueiro contra o Santos, com manutenção de D’Alessandro no meio

outubro 19, 2018

O Internacional se prepara para enfrentar o Santos em jogo válido pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo acontece apenas na segunda-feira,às 20h, no Beira-Rio, e será o de encerramento de mais uma jornada da competição. O treinador Odair Hellmann concedeu coletiva nesta sexta-feira, mas não revelou a escalação, inclusive fechou os últimos treinamentos, mas o time deve ter o retorno do zagueiro Rodrigo Moledo, recuperado de lesão muscular na coxa esquerda. O volante Rodrigo Dourado e o atacante Leandro Damião com problemas físicos são dúvidas no momento, mas devem atuar. O atacante William Pottker é desfalque e, assim, D’Alessedro deve seguir entre os titulares.

– Estamos trabalhando essas situações especificamente. O Damião voltou numa progressão. Antecipamos um pouco a situação da retreinamento. O Rodrigo tomando injeção, passando por procedimentos. Quando pode, a gente os coloca em campo. Quando não, a gente trabalha o modelo e esperamos até o último instante para contar com todos. Eu não posso dar essa definição. A gente continua fazendo esse tipo de progressão de recuperação para ter eles o máximo de tempo possível ou de início. Sempre trabalhando alternativas para o caso de acontecer de não poder contar. O grupo já deu resposta. Confiança no grupo – disse o comandante.

Rodrigo Dourado não participou dos treinamentos de quarta e quinta-feira por conta de dores no pé direito, que inclusive já o fizeram tomar infiltrações anteriormente. O centroavante foi preservado, pois retornou recentemente de lesão muscular na coxa direita (há 10 dias). Voltou aos gramados diante do São Paulo, ao entrar ainda na primeira etapa na vaga de William Pottker, que saiu machucado e vai desfalcar a equipe diante do Peixe, fez dois gols e sofreu um pênalti na vitória por 3 a 1. Para Odair Hellmann, o Internacional precisa manter a performance diante do time da Baixada para seguir na cola do Palmeiras.

– O Santos deu uma arrancada nesse segundo urno, cresceu muito com o Cuca. Tem jogadores de muita qualidade e cresceu em termos de competição. É um time muito forte. Vi quatro jogos com o Santos. Cabe a nós não deitar em berço esplêndido. Temos que buscar manutenção de jogo, de performance. Confiar e buscar a vitória até o final. O Santos defende em bloco baixo, mas é um time que tem vocação ofensiva. Não sei qual a estratégia que vai utilizar. É um jogo extremamente difícil. É um jogão. Temos que manter o padrão.

O provável Internacional para enfrentar o Santos tem: Marcelo Lomba; Fabiano, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Nico López, Edenílson, D’Alessandro e Patrick; Leandro Damião.

O time gaúcho tem 53 pontos na vice-liderança, três a menos que o Palmeiras, que enfrenta o Ceará no Pacaembu na rodada.