Skip to content

Rivaldo se encanta com Arthur e o compara a Xavi: “Pode ser seu substituto”

outubro 6, 2018

O ex-gremista Arthur vem encantando os fãs do Barcelona pelo futebol arte e as comparações com o astro espanhol Xavi Hernández crescem a cada grande exibição com a camisa azul grená.

Desta vez, foi o ex-jogador Rivaldo, que defendeu o clube catalão entre as temporadas 1997 e 2002, a rasgar elogios ao seu futebol de alto nível e não se intimidou ao compará-lo ao principal astro do espanhol.

Estou seguro que acabará segundo regular nos 11 do Barcelona, demonstrando suas habilidades para ser um novo Xavi. Pode ser seu substituto mais próximo“, disse o ex-jogador ao jornal espanhol Sport.

Xavi foi revelado pelo Barcelona em 1997 e esteve no clube até a temporada 2014/2015 – tendo a chance de jogar ao lado dos brasileiros Ronaldo Gaúcho, Rivaldo, Maxwell, Daniel Alves, Adriano, Douglas – até que decidiu partir rumo ao Al Sadd, do Qatar, para faturar milhões antes de se aposentar.

Ele encerrou sua passagem de 24 anos pelo Barcelona no título da Liga dos Campeões de 2013/2014 e deixou o clube com 828 jogos, 88 gols marcados e 23 canecos no currículo.

BARCELONA SOFREU PARA TIRAR ARTHUR DO GRÊMIO

Após longa negociação, o Barcelona entrou em acordo com o Grêmio pela compra de Arthur em março deste ano para o jogador se apresentar em janeiro de 2019. O acerto da contratação pelos espanhóis saiu por 31 milhões de euros (cerca R$ 140 milhões), além de 9 milhões de euros (R$ 41 milhões) de bonificação por número de jogos e conquistas – o que pode totalizar o negócio em 40 milhões de de euros (R$ 181 milhões).

As grandes atuações do meia pelo Tricolor Gaúcho no primeiro semestre e as saídas de Iniesta, para o Vissel Kobe-JAP, e Paulinho, rumo ao Guangzhou Evergrande-CHI, fizeram os catalães optarem por antecipar a chegada do brasileiro ainda na metade do ano. Para isso, foi necessário desembolsar mais 3 milhões de milhões (R$ 13,8 milhões) além do combinado.

Sabedor do interesse de Manchester United-ING e Paris Saint-Germain-FRA, o Barcelona estabeleceu uma multa rescisória de 400 milhões milhões de euros (1,818 bilhão) para quem quiser contratar Arthur.