Skip to content

Neto, da Chapecoense, passa por nova cirurgia para tentar voltar aos gramados

outubro 20, 2018

Sobrevivente do terrível acidente aéreo da Chapecoense, em novembro de 2016, o zagueiro Neto foi submetido a uma artroscopia no joelho direito, na noite da última sexta-feira (19), para tentar acelerar seu retorno aos gramados.

Última vítima a ser encontrada com vida após a queda do avião, o jogador ainda não atuou profissionalmente desde a fatalidade na Colômbia – que vitimou 71 pessoas – e espera que a intervenção lhe dê condições de voltar a jogar no início de 2019.

No fim do ano passado, atuou em uma partida beneficente da Abravic (Associação Brasileira das Vítimas do Acidente com a Chapecoense). No começo de 2018, voltou aos treinos com a expectativa de voltar a atuar profissionalmente, mas retornou ao DM e precisou adiar o retorno por conta de uma cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado posterior do joelho direito.

A artroscopia realizada em Neto tem como objetivo completar o tratamento da cartilagem e acabar com os problemas físicos do atleta de 33 anos do Verdão d’Oeste.

Dos jogadores que sobreviveram ao acidente, Neto é o único que ainda não conseguiu retomar a carreira. Alan Ruschel voltou a atuar como meio-campista pelo próprio clube catarinense e Jackson Follmann, como teve parte da perna direita amputada, trabalha como embaixador da equipe e comentarista dos canais Fox Sports.

Sem Neto, a Chapecoense entra em campo neste domingo (21), às 19h (horário de Brasília), contra o Cruzeiro, em jogo da 30ª rodada do Campeonato Brasileiro 2018. A equipe catarinense tenta escapar da zona do rebaixamento.

Com 33 anos, o zagueiro está na Chapecoense desde 2015. No clube catarinense, ele disputou 51 jogos, anotou quatro gols e levantou as taças do Campeonato Catarinense de 2016 e 2017 e também da Copa Sul-Americana de 2016.

View this post on Instagram

Essa é a nossa cara. Nossa equipe é conhecida como uma equipe que luta, transpira muito e não se entrega com facilidade. Sempre foi assim aqui e não será diferente. Agora mais do que nunca é hora de acreditar. É fácil acreditar e ter fé quando tudo vai bem. Ter fé é acreditar que mesmo quando tudo parece desfavorável, tudo ainda vai dar certo. Eu acredito em vocês rapaziada @chapecoensereal. Enquanto tiver fôlego ainda há esperança. É hora de trabalhar o corpo e a alma para entregar o algo a mais. Precisamos de todos e mais ainda do nosso torcedor nessa reta final. Vamos juntos na mesma direção. Jogadores, comissão técnica, diretoria e o nosso combustível que é o torcedor. Precisamos de vocês do nosso lado torcedor pois sabemos que somos mais que onze. Somos o Oeste catarinense, somos um clube do interior, somos uma família, somos simples, não somos grandes em títulos e em expressão. Nossa grandeza e muito diferente da grandeza dos outros. Nossa grandeza vem das nossas origens, vem do nosso povo, vem do nosso jeito Guerreiro de jogar, torcer, acreditar até a última gota de suor. Somos diferentes não pela história de tornar tudo mais fácil, mas somos grandes pela nossa história de tornar o que é praticamente impossível em possível. Precisamos de todos. Do roupeiro ao presidente, do torcedor ao jogador. #Somosfortesjuntos #somosmaisqueonze #somostodoschapecoense #euacredito

A post shared by Neto E Simone Zampier (@8785simoneto) on