Skip to content

Internacional 3×1 São Paulo: Gols, Melhores Momentos E Detalhes Do Jogo

outubro 14, 2018

 

No primeiro ataque do jogo, gol do São Paulo. Aos 2′, Reinaldo cruzou bola na área do lado esquerdo e Liziero bateu de primeira, cruzado, para marcar. 1 a 0. Primeiro dele no Campeonato Brasileiro e segundo com a camisa do clube.

Apesar do gol cedo, a partida era bastante truncada e bem disputada no meio-campo. A primeira finalização no gol do Internaciona aconteceu aos 11′, com o lateral-direito Fabiano, de fora da área. Jean segurou tranquilo. Doi minutos depois, D’Alessandro fez jogada na área e chutou travado, a bola sobrou para Nico López marcar, mas o uruguaio estava em posição irregular. A bandeirinha Neuza Inês Back demorou um pouco para levantar a bandeira.

O Colorado buscava o empate e pressionava. D’Alessandro fez boa jogada pela direita e cruzou. O volante Rodrigo Dourado e o goleiro Jean foram de encontro à bola, mas não acharam nada e ela sobrou para Patrick que tentou duas vezes, mas não conseguiu empurrar para o gol. Anderson Martins afastou na sequência e salvou o São Paulo.

Aos 26′, o treinador Odair Hellmann precisou fazer a sua primeira substituição. William Pottker sentiu lesão muscular na virilha e pediu para ser sacado. Ele ainda tentou continuar no jogo, mas não teve jeito. Leandro Damião entrou em seu lugar. 

Em contra-ataque rápido, D’Alessandro acionou Edenílson pela direita e ele cruzou na área. A bola ia em direção a Patrick na pequena área, mas Bruno Alves fez corte de cabeça providencial, aos 39′. Dois minutos depois, o argentino cobrou falta fechado pelo lado direito e acertou o travessão da meta de Jean. Até então eram nove finalizações contra apenas uma do São Paulo.

De tanto martelar, o empate veio ainda na primeira etapa. Aos 45′, Nico López fez jogada pela direita e cruzou na medida para Leandro Damião estufar as redes de cabeça.1 a 1 e intervalo.

O segundo tempo começou elétrico, com faltas e disputas ríspidas pela bola. Aos 2′, D’Alessandro cobrou falta da direita, sem ângulo, e Jean fez excelente defesa evitando o segundo gol Colorado. Aos 6′, outra bola parada, agora com D’Alessandro cruzando, Víctor Cuesta ajeitando e Leandro Damião completando para o gol. 2 a 1. Sétimo dele no campeonato.

O São Paulo quase empatou aos 14′. Rojas cruzou da direita e Hudson apareceu na área para pegar de primeira e mandar à esquerda da meta de Marcelo Lomba, com muito perigo. O duelo no Beira-Rio era ótimo. Aos 17′, Rodrigo Dourado quase aproveitou sobra de escanteio, mas Jean foi mais rápido e ficou com a boa. Boa chance. Dois minutos depois, Nene cobrou falta e mandou a bola por cima do gol.

Aos 27′, Rojas pegou a sobra de escanteio cobrado por Reinaldo e levantou novamente na área. Diego Souza subiu bem e mandou à direita da meta. A bola tirou tinta da trave. Aos 33′, Reinaldo cobrou falta pela direita, Bruno Alves dividiu com Marcelo Lomba pelo alto e Carneiro marcou na sobra. Mas o lance já estava parado por posição irregular do zagueiro são-paulino.

O terceiro do Internacional quase saiu aos 41′, com Edenílson, que aproveitou cruzamento de Iago e mandou de cabeça à esquerda da meta. Mas, aos 49′ ele saiu. Anderson Martins fez pênalti em Leandro Damião e recebeu o segundo amarelo. Nico López cobrou no meio com uma pancada e fez. Final, 3 a 1.

Com os três pontos, o Internacional retoma o segundo lugar e vai aos 56 pontos, três a menos que o líder Palmeiras. O São Paulo estaciona nos 53 e é o quarto.

? Ficha técnica

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre-RS
Data: 14 de outubro, domingo
Horário: 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Kleber Lúcio Gil (SC) e Neuza Inês Back (SC)
Público total: 45.263 (recorde de público do Beira-Rio desde a reforma)

⚽ Gols: Liziero (2′), Leandro Damião (45′ 2 52′) e Nico López (91′)
Cartões amarelo: Bruno Peres, Bruno Alves, Jucilei e Anderson Martins (São Paulo)
Cartões vermelho: Anderson Martins (São Paulo)

Internacional: Marcelo Lomba; Fabiano, Emerson Santos (Klaus 91′), Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado; Nico López, Edenílson, Patrick e D’Alessandro (Wellington Silva 83′); William Pottker (Leandro Damião 26′). Técnico: Odair Hellmann

São Paulo: Jean; Bruno Peres, Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Hudson e Jucilei. Rojas, Nene (Carneiro 64′) e Liziero (Tréllez 65′); Diego Souza. Técnico: Diego Aguirre

Assista abaixo aos melhores momentos da partida:

https://www.youtube.com/watch?v=pqiyA_ttYV8