Skip to content

Corinthians x Cruzeiro: Tudo o que você precisa sobre a final da Copa do Brasil

outubro 17, 2018

Na noite desta quarta-feira (17), Corinthians e Cruzeiro decidem o título da Copa do Brasil às 21h45 (de Brasília), na arena do Timão, em Itaquera.

Na ida, o Cruzeiro venceu por 1 a 0, no Mineirão, e agora joga pelo empate ou vitória por qualquer placar na Arena Corinthians. Já o Timão precisa de um triunfo por dois gols de diferença para garantir a taça ou ganhar por um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis.

Em caso de título, a Raposa se tornará o maior campeão, com seis conquistas. O clube mineiro ergueu o caneco em 1993, 1996, 2000, 2003 e 2017. Já o Timão busca o tetracampeonato, depois de faturar 1995, 2002 e 2009.

No Alvinegro, Jair Ventura fechou os treinamentos e a escalação só será revelada cerca de uma hora antes da bola rolar. O time pelo terá uma mudança em relação ao jogo de ida. Após cumprir suspensão, o volante Douglas deve voltar a ser titular na vaga de Gabriel.

Os desfalques do time paulista são Renê Júnior (lesão no joelho esquerdo), Ángelo Araos (suspenso) e Matheus Matias, Rodrigo Figueiredo e Roger (não podem defender o Corinthians na Copa do Brasil).

Na Raposa, Egídio recebeu o terceiro cartão amarelo na primeira partida da final e está suspenso. O reserva é Marcelo Hermes, mas Mano Menezes pode optar pela improvisação do argentino Lucas Romero.

No time mineiro, além de Egídio, Sassá é outro que está suspenso por conta da briga com Mayke do Palmeiras.

FICHA DO JOGO

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Léo Santos (Pedro Henrique), Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Pedrinho (Clayson), Jadson, Mateus Vital (Jonathas) e Romero
Técnico: Jair Ventura

CRUZEIRO: Fábio; Edilson, Dedé, Leo e Lucas Romero (Marcelo Hermes); Henrique e Ariel Cabral; Robinho, Thiago Neves e Rafinha; Barcos
Técnico: Mano Menezes

Estádio: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: quarta-feira, 17 de outubro de 2018
Horário: 21h45
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (FIFA/RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (FIFA/RJ)