Skip to content

Atlético-PR 2×1 Botafogo: Gols,Melhores Momentos E Detalhes Do Jogo

outubro 27, 2018

Primeiro tempo
A primeira oportunidade perigosa foi aos 7′ e foi do Botafogo. Valencia cobrou escanteio e o zagueiro Marcelo Benevenuto, que atuou de lateral-direito, cabeceou para ótima intervenção de Felipe Alves, que atuou na vaga de Santos, suspenso. No minuto seguinte, Gilson cruzou da esquerda e Brenner, sozinho, mandou por cima da meta.

A resposta do Atlético-PR foi aos 13′ com o volante Bruno Guimarães finalizando de dentro da grande área para defesa de Saulo. O duelo entre os dois aconteceu novamente aos 24′ e o goleiro botafoguense levou a melhor outra vez. O Furacão tinha mais posse de bola (65%) mas era a equipe carioca era quem chegava com mais perigo.

O lateral-esquerdo Gilson invadiu a área e foi derrubado por Bruno Guimarães. Pênalti. O atacante Brenner bateu e marcou, aos 29′. Nono tento dele no ano e o 15º pelo Fogão. Aos 38′, Bergson tabelou com Rony e sua finalização passou próximo à trave direita.

O último lance de perigo nos primeiros 45 minutos foi do Botafogo. Luiz Fernando recebeu passe de Brenner e bateu para o gol para Felipe Alves defender.

Segundo tempo
Rony emendou uma bicicleta, aos 4′, após cobrança de escanteio e sobra na área depois de má saída da meta de Saulo, mas a bola foi por cima. O empate do Furacão veio aos 10′, após tentativa falha de tirar a bola de Igor Rabello em que a redonda sobrou para Bergson, que pegou de primeira para marcar seu quinto gol com a camisa do clube paranaense.

Aos 20′, Guilherme, em cobança de falta, quase virou o jogo. A bola passou por cima da meta de Saulo. O Atlético-PR tinha a posse de bola, enquano que o Botafogo marcava atrás da linha da bola e se fechava em busca de contra-ataques. Aos 30′, Rony tentou mandar por cobertura, mas a bola foi para fora.

Pablo, que acabara de entrar na vaga de Bergson, desempatou a partida e virou para o Atlético-PR, aos 38′. Nikão puxou contra-ataque e acionou o atacante que girou e bateu rasteiro para o gol. Fim de papo.

O Furacão chegou aos 43 pontos na tabela e é o oitavo. O Botafogo é o 14º com 35 pontos, um a mais que a Chapecoense, primeiro time da zona de rebaixamento.

? Ficha técnica

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 27 de outubro de 2018 (Sábado)
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

⚽ Gols: Brenner (29′), Bergson (55′) e Pablo (83′)
Cartões amarelo: Guilherme, Márcio Azevedo e Bergson (Atlético-PR); Saulo, Marcelo Benevenuto e Carli (Botafogo)

Atlético-PR: Felipe Alves; Diego Ferreira, Wanderson, Thiago Heleno e Márcio Azevedo; Bruno Guimarães e Camacho (Matheus Rosetto 70′); Bergson (Pablo 81′), Guilherme e Marcinho (Nikão 62′); Rony. Técnico: Tiago Nunes

Botafogo: Saulo; Marcelo Benevenuto, Carli, Igor Rabello e Gilson; Matheus Fernandes (Gustavo Bochecha 75′), Rodrigo Lindoso e Leo Valencia; Erik (Renatinho 60′), Luiz Fernando e Brenner (Aguirre 46′). Técnico: Zé Ricardo

Assista abaixo aos melhores momentos da partida:

https://www.youtube.com/watch?v=zBFdSofhkvs