Skip to content

Agente de Pedrinho diz que ciclo do jogador pelo Corinthians chegou ao fim

outubro 18, 2018

Depois da derrota para o Cruzeiro na final da Copa do Brasil, a torcida do Corinthians pode ter se despedido de um dos seus jogadores. O meia Pedrinho, de acordo com o seu agente Will Dantas no Instagram, deve estar de saída do clube na próxima janela de transferências. O empresário publicou mensagens demonstrando insatisfação com o gol anulado, depois de consulta ao VAR, do jovem na partida, quando o duelo estava empatado por 1 a 1.

– Para mim foi a gota d’água, já deu, muito difícil trabalhar num país de desonestos como esse Brasil onde as pessoas fazem o que querem e fica por isso mesmo, país de “entendidos” e safados, queria aqui de coração deixar o meu agradecimento para essa enorme torcida do Corinthians que sempre esteve ao nosso lado, nunca esqueceremos de vocês.

Perguntado por seguidores se Pedrinho já estaria vendido a algum clube da Europa, Will Dantas disse que não, mas que já começaria a tratar do assunto nesta quinta-feira.

– Ainda não, mas a partir de hoje farei de tudo para que isso aconteça. Adoraria vê-lo jogar por mais duas temporadas (no Brasil), mas não vou prejudicar a carreira do garoto mais do que já estão prejudicando. Quero que ele vá para um país sério, com pessoas sérias, onde valorizem o futebol e não tenha tanta injustiça.

Pedrinho tem contrato com o Corinthians, que tem 70% de seus direitos econômicos, até 31 de dezembro de 2020. Sua multa contratual é de 50 milhões de euros (R$ 185 milhões) para clubes do exterior. Times como o espanhol Barcelona e o holandês Ajax já enviaram seus olheiros para ver o jogador de perto.

De acordo com a reportagem do Fox Sports, outro clube europeu estaria próximo de um acordo com o jovem de 20 anos. O nome da equipe foi mantido em sigilo. Uma reunião aconteceria nesta quinta-feira com o acordo podendo ser sacramentado ao final do encontro.

Pedrinho no Corinthians
O jogador fez sua estreia no time profissional no dia 19 de março de 2017 em partida diante da Ferroviária, em que o Corinthians perdeu por 1 a 0 (entrou em campo aos 22 minutos do segundo tempo). Conquistou o Campeonato Brasileiro de 2017 e o Campeonato Paulista de 2017 e 2018. No total, atuou em 63 jogos e marcou cinco gols.

Nas categorias de base foi vice-campeão da Copa São Paulo de 2016 e a venceu em 2017 sendo eleito o melhor jogador da competição. Também foi vice do Campeonato Brasileiro sub-20 de 2016.